menu logo

tamanho do texto:

Dez Vulcões PR06FAI

Tipo: linear
Dificuldade: difícil
Distância: 19,3Km
Duração: 5h
Altitude (Min / Máx): 70m / 911m

 

Como Chegar

Partindo do Largo Duque D’Ávila e Bolama, no centro da cidade da Horta em frente à Câmara Municipal, siga em direção norte para a freguesia dos Flamengos e acompanhe a sinalética com a indicação “Caldeira”.



Equipamento Recomendado

Calçado apropriado para caminhadas, impermeável, chapéu, protetor solar e água.



gallery_thumbnail
zoom in

Galeria

O trilho começa no Miradouro da Caldeira e termina no Centro de Interpretação do Vulcão dos Capelinhos (freguesia do Capelo).

Iniciando na Reserva Natural da Caldeira do Faial, este trilho precorre a Área de Paisagem Protegina da Zona Central e a Área Protegida de Gestão de Habitats ou Espécies dos Capelinhos, Costa Noroeste e Varadouro, terminando no Monumento Natural do Vulcão dos Capelinhos.

Ao longo do passeio é notória a génese da ilha com passagem nos geossítios da Caldeira, da Península do Capelo e do Vulcão dos Capelinhos e Costado da Nau.

Este percurso associa três segmentos de trilhos existentes no Faial: a Caldeira, a Levada e o Cabeço do Canto. O percurso tem início na Caldeira e percorre, como o próprio nome indica, 10 dos principais vulcões existentes no alinhamento fissural da Península do Capelo. A biodiversidade e a geodiversidade são uma constante neste percurso, destacando-se as paisagens arrebatadoras da Península do Capelo e o antigo Farol dos Capelinhos, num autêntico cenário lunar onde é possível pisar terreno formado por cinza, tufo e bombas vulcânicas.

Este trilho tem um desnível aproximado de 1000 metros, permitindo descobrir grande parte da flora endémica dos Açores, desde exemplares de altitude, passando pelos de média altitude e também por espécies características de ravinas e locais abrigados. 

Inicie o percurso no Miradouro da Caldeira e, antes de começar, atravesse o túnel com vista para o interior da cratera. O caminho contorna a Caldeira e antes da subida para o Cabeço Gordo segue à direita, rumo à zona do Vulcão dos Capelinhos.

Desça pela encosta oeste da ilha até atingir uma estrada de terra até ao Cabeço dos Trinta. Ao longo do passeio terá a oportunidade de observar vários exemplares de flora típica da floresta Laurissilva, bem como algumas aves dos Açores.

Ao passar o tanque de armazenamento de água, pode optar por fazer um desvio através do túnel de acesso ao Cabeço dos Trinta. De volta ao trilho, desça ao longo de matas e caminhos florestais até chegar ao Miradouro do Cabeço do Fogo. Para além da vista, este monte contém manchas de vegetação nativa e é uma importante zona de nidificação para o pombo-torcaz dos Açores (Columba palumbus azorica).

O percurso prossegue por matas, zonas de campos de cultivo e pastoreio, passando pela Furna Ruim, Algar do Caldeirão e Cabeço do Canto até chegar à estrada, que deverá transpor com cautela, de acesso aos Capelinhos. Desfrute do cenário à sua frente, onde dominam as cinzas vulcânicas provenientes da erupção de 1957/1958 e que acrescentaram 2,4 km2 à ilha. Siga em direção ao parque de estacionamento do Centro de Interpertação do Vulcão dos Capelinhos, onde termina o percurso.

Quer receber notícias nossas?

Respeita os termos do WCAG 2.00 AA