menu logo

tamanho do texto:

Caldeira da Graciosa

Monumento Natural

gallery_thumbnail
zoom in

Galeria

Com 119,87 hectares, uma altura de 405 metros e uma profundidade de 270 metros, a Caldeira da Graciosa corresponde à área da depressão vulcânica oval localizada na parte sudeste da ilha.

A caldeira formada há cerca de 12 mil anos é uma estrutura geológica de elevado interesse, possuindo diversos tipos de formações vulcânicas, como por exemplo os diversos tubos lávicos, de que se destacam a Furna da Maria Encantada e a Furna do Calcinhas. No entanto, distingue-se das demais formações a Furna do Enxofre, verdadeiro ex-líbris da geodiversidade da ilha e uma das mais notáveis cavidades de natureza vulcânica do arquipélago.

Sendo a segunda maior área florestada da ilha, podem encontrar-se espécies endémicas como Erica azorica (urze), Laurus azorica (louro-da-terra) e Hypericum foliosum (malfurada), os endemismos macaronésicos Morella faya (faia-da-terra) e Persea indica (vinhático) e predominantemente as introduzidas Cryptomeria japonica (criptoméria), Acacia melanoxylon (acácia), Pittosporum undulatum (incenso), entre outras.

É neste habitat que surge a única espécie de mamífero endémico dos Açores, Nyctalus azoreum (morcego dos Açores), e as subespécies passeriformes endémicas Fringilla coelebs moreletti (tentilhão), Sylvia atricapilla atlantis (toutinegra dos Açores), Motacilla cinerea patriciae (alvéola), Turdus merula azorensis (melro) e Sturnus vulgaris granti (estorninho dos Açores) e outras importantes subespécies endémicas como Columba palumbus azorica (pombo-torcaz dos Açores) e Buteo buteo rothschildi (milhafre ou queimado). É igualmente um dos poucos lugares da Graciosa onde é possível observar as limícolas Gallinago gallinago (narceja-comum) e Scolopax rusticola (galinhola).

Esta área protegida tem os estatutos de Zona Húmida de Importância Internacional da Convenção de Ramsar (sítio Ramsar) e de Zona Núcleo da Reserva da Biosfera e constitui um geossítio prioritário (Caldeira e Furna do Enxofre) integrado no Geoparque Açores – Geoparque Mundial da UNESCO.

Classificações:

Sítio RAMSAR

Reserva da Biosfera

Quer receber notícias nossas?

Respeita os termos do WCAG 2.00 AA