menu logo

tamanho do texto:

Serreta PRC3TER

Tipo: Circular
Dificuldade: Média
Distância: 7Km
Duração: 2h30
Altitude (Min / Máx): 203m / 784m

 

Como Chegar

O acesso ao trilho faz-se pela Canada da Fonte a partir da Estrada Regional 1-1, na freguesia da Serreta, e tem o seu início num caminho agrícola asfaltado junto à placa de identificação do trilho. Situa-se a cerca de 21 quilómetros, por estrada, do centro de Angra do Heroísmo.



Equipamento Recomendado

Calçado apropriado para caminhadas, impermeável, chapéu, protetor solar e água



gallery_thumbnail
zoom in

Galeria

Este percurso atravessa a Área Protegida para a Gestão de Habitats ou Espécies do Planalto Central e Costa Noroeste e a Reserva Natural da Serra de Santa Bárbara e dos Mistérios Negros.

No decorrer deste trilho, poderá observar uma vegetação muito variada, que inclui exemplares de flora endémica. A cerca de metade deste percurso encontra-se a Lagoinha, uma pequena lagoa rodeada por um bosque de cedros. Outro ponto de destaque é a Ribeira do Além.

O trilho começa e acaba num troço ladeado por pastagens de altitude e, nas suas bermas, por vegetação exótica como Rubus ulmifolius (silvado) e Hedychium gardnerianum (conteira) que gradualmente vai dando lugar a exemplares de flora nativa como as espécies Erica azorica (urze) e Morella faya (faia-da-terra). No chão, poderá observar pequenos fragmentos de obsidiana (“vidro vulcânico”). À medida que se avança na subida, os exemplares de Juniperus brevifolia (cedro-do-mato) e Laurus azorica (louro-da-terra) tornam-se mais abundantes. A avifauna habitualmente também marca presença através de subespécies endémicas dos Açores, como Turdus merula azorensis (melro), Regulus regulus inermis (estrelinha) e Buteo buteo rothschildi (milhafre).

Ao chegar a uma canada de terra batida siga pela direita até ao seu final, entrando num caminho de pé posto até encontrar uma segunda canada onde deverá seguir novamente pela direita. Mais adiante suba ao Pico da Lagoinha e contemple esta pequena lagoa e a vegetação primitiva que envolve todo o pico. No cimo deste cone vulcânico, pode avistar as freguesias da Serreta, Raminho e Altares.

Desça e retome o caminho pela esquerda, até entrar num pasto que o levará a uma vereda que ladeia a Ribeira do Além. Continue até um pequeno miradouro onde poderá apreciar alguns pormenores desta linha de água. Prossiga a descida até uma mata de Cryptomeria japonica (criptoméria), onde, mais adiante, encontrará um caminho ladeado por Hydrangea macrophylla (hortência), espécie ornamental introduzida, que conduz ao final do percurso (ponto de partida).

Quer receber notícias nossas?

Respeita os termos do WCAG 2.00 AA