menu logo

tamanho do texto:

Canal Faial - Pico/Sector Faial

Área Protegida de Gestão de Recursos

gallery_thumbnail
zoom in

Galeria

Esta área marinha, com 17 385 hectares e fundos pouco comuns nas zonas costeiras, acolhe uma variedade de organismos bastante ampla, desde pequenas algas e crustáceos até aos grandes pelágicos que por vezes visitam a zona em busca de maiores concentrações de alimento.

Em termos geológicos podemos encontrar interessantes estruturas, como as caldeiras de abrasão (“covas de gigante”) e uma série de afloramentos rocho­sos distribuídos irregularmente.

A fauna é bastante diversificada, podendo ser observados cardumes de Pseudocaranx dentex (encharéus), Seriola spp. (lírios), Sarda sarda (serras), Sphyraena viridensis (bicudas), Katsuwonus pelamis (bonitos) e  Epinephelus marginatus (meros) e ainda outras espécies como  Mobula tarapacana (jaman­tas), Caretta caretta (tartaruga-boba) e Tursiops truncatus (roaz).

Quanto à flora marinha, predominam as algas-vermelhas calcárias incrustantes, como a alga Padina pavonica, existindo, também, corais enigmáticos como Antipathella wollastoni (coral-negro), coloridas esponjas ou graciosos hidrozoários (por exemplo, Nemertesia spp.).

Quer receber notícias nossas?

Respeita os termos do WCAG 2.00 AA