menu logo

tamanho do texto:

Notícias

Comissão Europeia aprova síntese de projeto de conservação da natureza para Santa Maria

Comissão Europeia aprova síntese de projeto de conservação da natureza para Santa Maria

10 de Novembro de 2020

A Comissão Europeia aprovou a nota de síntese da candidatura apresentada para financiamento pelo Programa para o Ambiente e a Ação Climática (LIFE) tendo em vista o desenvolvimento de um conjunto de ações dirigidas à conservação de um grupo de moluscos endémicos da ilha de Santa Maria, dados como criticamente ameaçados de acordo com as listas vermelhas da IUCN - União Internacional para a Conservação da Natureza, com o objetivo de melhorar o habitat disponível, permitindo a recuperação, a médio prazo, das populações das espécies-alvo.

O projeto LIFE SNAILS - Support and Naturalization in Areas of Importance for Land Snails (Apoios e naturalização em áreas importantes para os caracóis terrestres) contempla um investimento de dois milhões de euros, a executar em cinco anos, de 2022 a 2026, na ilha de Santa Maria.

Neste contexto, o LIFE SNAILS propõe-se concretizar trabalhos de recuperação de habitats, incluindo o controlo de espécies exóticas invasoras e a plantação de flora endémica, bem como dinamizar boas práticas, soluções piloto e de demonstração para aumento de habitats em terrenos privados, incluindo um regime de apoio aos proprietários com vista à instalação de cortinas de abrigo com sebes vivas em áreas agrícolas, integrando a biodiversidade nos processos produtivos e superando a perda e a fragmentação dos habitats.

Este projeto tem como coordenador a Direção Regional do Ambiente, integrando ainda a Direção Regional dos Recursos Florestais, a AZORINA - Sociedade de Gestão e Conservação da Natureza, S.A., e a Desafio das Letras, sendo que a proposta final deve ser submetida à Comissão Europeia até 15 de fevereiro de 2021.

O Governo dos Açores tem atualmente em execução três projetos LIFE nas áreas da conservação da natureza, o LIFE IP Azores Natura, o LIFE VIDALIA e o LIFE BEETLES, que correspondem a um investimento global de 22,7 milhões de euros.

Para além dos projetos em execução, já foi aprovado pela Comissão Europeia, encontrando-se em fase de revisão, o projeto integrado LIFE IP CLIMAZ – Programa Regional para as Alterações Climáticas nos Açores, com um investimento que deverá rondar os 12 milhões de euros, a iniciar em janeiro de 2021.

 

Foto: GaCS/DRA

GaCS/HMB

Quer receber notícias nossas?

Respeita os termos do WCAG 2.00 AA